Manual da Transição Capilar #2: o BC

Manual da Transição Capilar #2: o BC

0

Comecei o projeto Manual da Transição Capilar há algum tempo, mas ele acabou ficando abandonado… Decidi voltar porque, além de ser um assunto importante, a transição é um dos temas principais nos e-mails que recebo de vocês! Da última vez, falei sobre os cuidados importantes no momento pré-BC. Agora, é hora de saber mais sobre a temida hora do grande corte.

Meu BC

Eu não aguentei ficar vários meses em transição. Depois de 6 meses aguardando a raiz crescer, fazendo texturização no comprimento, decidi que era hora de extirpar de vez os fios lisos. Uma das grandes vantagens de fazer o BC é que os tratamentos passam, finalmente, a agir no seu cabelo natural, sem o impedimento daquelas mechas alisadas. É um efeito completamente diferente do pré-corte!

Os seis meses serviram pra mudar a minha cabeça. De uma pessoa totalmente apegada a comprimento, eu passei a estar preocupada em ver meu cabelo real o mais rápido possível! Fazia questão de me sentir livre comigo mesma. Essa transformação mental é muito importante para guiar você no momento do corte, que costuma ser chocante para muitas meninas – não é fácil deixar uma vida inteira para trás! O cabelo liso representa os anos que passamos nos adequando a padrões, obedecendo normas, abafando nossa natureza. Mais do que uma tesourada, o BC é um marco na autoestima e na força interior da mulher.

Meu BC

Meu BC

Muitas garotas escolhem fazer o próprio BC. Eu não tinha essa confiança (nunca corto meu cabelo sozinha!) e, por isso, marquei com Ed Santana, do Descabelado, que acabou se tornando um grande parceiro do blog. Ed é especialista em cabelo afro e sabe direitinho o que fica bem em cada menina. Eu nunca tinha ido a um cabeleireiro assim e fiquei muito feliz de ter sido ele a pessoa a participar desse momento da minha vida!

Acabei cortando os fios beeem curtinhos, de um tamanho que eu jamais havia tido. Amei a experiência! Já saí de lá me sentindo bonita e, nos dias seguintes, adorava acordar e quase não precisar arrumar os cachos, sentir a água bem perto do couro cabeludo… Curti cada etapa do meu crescimento capilar e curto até hoje.

transição-capilar-3

transição-capilar-2

Dicas para um BC sem arrependimentos

Geralmente, demora um tempo para a gente se sentir à vontade com a ideia de fazer o BC. Para evitar arrependimentos e ir segura para a cadeira do cabeleireiro, siga algumas dicas importantes:

Aceite o seu próprio tempo

Eu demorei seis meses, mas pode ser que você só queira retirar as pontas lisas do cabelo após um ano, um ano e meio, dois… Não se cobre e obedeça à sua voz interior. Você vai ficar feliz se cortar agora? Está pronta para encarar um comprimento muito curto?

Escolha a técnica

Vai cortar sozinha? Pesquise na internet dicas de meninas que já fizeram isso e amadureça bem a forma como fará o BC, antes de tesourar de vez os cabelos. Se você prefere ir ao cabeleireiro, escolha um profissional com referência, que já tenha cortado o cabelo de alguém que você conhece ou de uma pessoa que inspira você. Se possível, antes de visitar o salão, troque ideias com o hairstylist sobre a sua trajetória capilar, ideias de corte, visagismo… Tire todas as dúvidas antes para evitar problemas no futuro.

Curta cada fase

Não adianta cortar o cabelo e ficar se martirizando porque ele vai demorar de chegar à cintura novamente. Aproveite essa aventura para conhecer um novo comprimento e se descobrir bonita de um jeito diferente! Pesquise produtos que combinam com o seu corte, as formas de estilizá-lo, e não esqueça de continuar a sua rotina de umectações e hidratações/cronograma capilar. Seus cachos representam a sua força de vontade, então nada de deixá-los presos e esquecidos!

Ufa! Esse é um assunto que rende, né? No próximo post, vamos falar sobre o período pós-BC e esclarecer alguns mitos sobre tempo de crescimento, eficácia de alguns tratamentos… Podem deixar que o Manual da Transição vai até o fim dessa vez!

Cabelo tipo 4 <3

Cabelo tipo 4 <3

Quer tirar dúvidas ou conversar sobre sua transição? Fale comigo através do e-mail belicia@clvbe.com.br!

espaco2

Comente no Face ♥

Artigos similares