Diário da Criolipólise: Lipocavitação e Heccus

Diário da Criolipólise: Lipocavitação e Heccus

0

Uhu, Diário da Criolipólise de volta! Depois de iniciar o meu pós-Crio testando a Radiofrequência, processo que aquece as gordurinhas para dar um fim às formas “extras”, fui à Estética Hollywood Salvador experimentar dois tratamentos super queridos pelas apaixonadas por estética: a Lipocavitação e o Heccus.

Para começar, Daiana, a fisioterapeuta do espaço, fez uma esfoliação no meu abdômen. Isso garantiu que a pele ficasse bem lisinha para o início da Lipocavitação, que é um ultrassom localizado de alta potência que emite raios e deixa a gordura “disponível” no corpo para queima imediata. Por isso, logo depois da sessão é orientado que se faça algum exercício, como caminhada ou bike ergométrica, além de evitar ingerir muitos carboidratos ou alimentos gordurosos antes ou depois da Lipo. É importante avisar que pacientes com colesterol alto não devem se submeter a esse procedimento.

As marquinhas ajudam Daiana a guiar a máquina

As marquinhas ajudam Daiana a guiar a máquina

belicia-blog-diario-da-criolipolise-lipocavitacao-e-heccus-2

A Lipocavitação é realizada com a ajuda de manoplas que ficam em movimento o tempo todo. Há versões de 3 tamanhos – 3, 2 e 1 cm -, de acordo com a área (a menor pode servir para a papada, por exemplo). Uma dica: embora a Lipocavitação seja ótima para áreas como abdômen, ela não é indicada para o bumbum, por promover queima de gordura. A Estética Hollywood tem um protocolo exclusivo para essa área, o Shakebum, que reúne Corrente Aussie, Heccus ou Radiofrequência e Pump para melhorar contorno e flacidez das nádegas.

Após terminar a Lipo, fizemos uma drenagem linfática mecânica com uma manopla, para nos prepararmos para o Heccus: uma terapia combinada de ultrassom + Corrente Aussie. Muita gente tem medo desse tratamento, porque a sensação dele é como a de pequenos choques (a Corrente Aussie, que vai e volta, tonificando musculatura e tecido). A ideia de utilizar o Heccus como um pós-Lipo é emulsionar a gordura liberada pelo primeiro procedimento, melhorando o contorno corporal. Depois de alguns minutos de choques, que não doem nadinha – talvez uns sustinhos de vez em quando, haha -, finalizamos tudo com aplicação do mousse efervescente, do creme anticelulite e do gel crioterápico – este último, utilizado após uma massagem vigorosa que parece queimar centímetros instantaneamente. O resultado? Uma barriguinha mara logo no dia da sessão!

Um plus: nesse dia, antes de iniciar os tratamentos, Daiana mediu minha barriga para ver as perdas de medidas que tivemos até agora. O resultado? Menos 3,5 cm de diâmetro de abdômen superior, 3 cm de abdômen inferior (a “pochetinha”) e seis centímetros de cintura. Tá bom ou quer mais? ;) A medição foi feita antes de começarmos a Lipo justamente para evitar o efeito cinderela imediato aos cuidados, mostrando as perdas reais de todo o processo que estamos vivendo. Ainda faltam algumas sessões para terminar o pós-Criolipólise, mas já digo que vale muito a pena!

belicia-blog-diario-da-criolipolise-lipocavitacao-e-heccus-3

Nova barriga (e o tratamento nem terminou!) ♥

Comente no Face ♥