Beleza e intestino: um relacionamento sério!

Beleza e intestino: um relacionamento sério!

0

Talvez você tenha achado o título desse texto meio esquisito. Afinal, não é sempre que a palavra “intestino” está dando as graças num blog de beleza, né? Mas o assunto é de primeira importância: pode ser que você não saiba, mas a saúde intestinal faz toda a diferença no seu visual. Volume abdominal, aparência da pele e até o humor podem mudar quando você fica desregulada por algum motivo – 80% da serotonina, hormônio do bem-estar, tem origem justamente no intestino! Recebi da Corpometria, um centro de medicina avançada e avaliação corporal, uma série de dicas simples que podem ajudar o seu corpo a funcionar direitinho. Vale comparar com os seus hábitos atuais e ver como melhorar o seu dia a dia!

1) Beba água – muita água

Essa a gente sabe, mas vale reforçar: água é fundamental para o normal funcionamento do organismo como um todo. “Quando mal hidratado, ao final da digestão, o corpo reabsorve o máximo possível da água do bolo fecal para suas atividades. Ou seja: ressecamento fecal e, consequentemente, intestino preso”, revela Gabriella Alves, nutricionista da Corpometria.

2) Consuma fibras

“As fibras auxiliam no funcionamento intestinal pois não são digeridas e, por isso, formam volume para o bolo fecal e estimulam o esvaziamento”, explica Gabriella. “Além disso, fibras retardam a digestão e, por isso, dão saciedade, auxiliando a manter a dieta e não sentir fome”. Não sabe como consumir? Tente acrescentá-las a todas as suas refeições: chia no iogurte, aveia nas frutas da manhã… Não se esqueça de associar as fibras à água – senão, elas podem causar constipação.

3) Laxantes naturais

Sabia que alguns alimentos ajudam naturalmente seu intestino a trabalhar? Além do famoso mamão, você pode apostar em ameixa, laranja com bagaço e abacate.

beleza-e-intestino-2

A barriga da musa fitness Gabriela Pugliesi

4) Azeite de oliva morno

Essa é nova (pelo menos, pra mim): consumir uma colher de sopa de azeite de oliva morno, em jejum, pode ajudar e muito na velocidade do seu intestino. “O azeite é um laxante natural e funciona como um lubrificante intestinal, auxiliando no esvaziamento do intestino e eliminação das fezes”, conta a nutricionista.

5) Durma bem

Sim: dormir bem é essencial para manter o funcionamento regular do intestino, alternando momentos de descanso e trabalho.

6) Consuma glutamina

O aminoácido glutamina é uma ajuda e tanto para evitar a prisão de ventre. Apesar de poder ser comprado sem receita, o suplemento de glutamina deve ser indicado por um(a) profissional de nutrição: marque sua consulta antes de começar a tomar por conta própria.

vanessa-ventura-assinatura

espaco2

Comente no Face ♥

Artigos similares

0